Criação de logomarcas – como fazer certo

A logomarca não é apenas um símbolo, ela é a identidade visual de uma empresa na sua comunicação com o público. Tem um importante papel na percepção inicial que as pessoas tem de uma empresa.Embora as pequenas e médias empresas costumem dar pouco valor a criação de uma logomarca, para elas pode representar um diferencial maior do que para uma grande empresa.

Muitos empresários não tem as competências artísticas necessárias para criar uma logomarca mas isso não significa que eles não devem se envolver no processo. Afinal a logomarca é para a empresa deles e deve ser usada em todas as comunicações da empresa.

Existem programas e sites para criação de logomarcas gratuitas mas a realidade é que sem um conhecimento maior de design dificilmente uma pessoa conseguirá criar uma de forma bem feita. Apenas a título de curiosidade, um site que cria logomarcas gratuitas é o Logofactory

Abaixo damos algumas dicas do que o empresário deve ter em mente ao contratar um designer para criar sua logomarca:

Cores são importantes na logomarca mas requerem cuidados na escolha

Escolher cores adequadas é uma etapa muito importante na criação de logomarcas devido a carga emotiva que está associada a elas. É importante pesquisar os efeitos e associações de uma cor para na hora de decidir quais serão utilizadas na logomarca. Por exemplo, a cor azul é utilizada na logomarca de grandes empresas como Ford, Itaú, Citibank, etc., devido a sobriedade,  e confiança que transparece.

Cuidado também com cores se você pretende operar em diferentes mercados regionais ou internacionais. A percepção de uma cor na logomarca pode não ser a mesma no Sudeste e no Nordeste, por exemplo. Pesquise os significados populares das cores em diferentes mercados para evitar situações embaraçosas que podem surgir.

Lembre-se: uma boa logomarca deve funcionar bem em apenas uma cor e gradientes desta cor. Se a sua não passar por esse teste básico é melhor recomeçar.

A logomarca deve dar ideia do que a empresa faz

Um das maiores falhas das logomarcas existentes é que poucas delas refletem o que a empresa faz, os produtos e/ ou serviços que vendem.

Por exemplo um banco, salvo ele ser voltado para um nicho específico de mercado, não passará uma boa imagem se sua logomarca tiver pranchas de surf e palmeiras.

Esse talvez seja um dos erros mais cometidos na criação de uma logomarca: ela não conseguir passar uma ideia do que a empresa faz.

Abaixo existem dezenas de marcas bastante conhecidas mas muito poucas dão passam a ideia do que as empresas fazem. Cuidado para não acontecer o mesmo com sua logomarca.

Uma boa logomarca deve dar idéia do que a empresa faz - a grande maioria das logomarcas falha nisso

Uma logomarca pode representar um estilo de vida

Muitas pessoas utilizam marcas para expressar seu estilo de vida. Nike para corredores, Armani para jogadores de futebol com sucesso, etc.

É óbvio que todas as marcas acima gastaram muitos milhões de dólares para se tornarem ícones de todo um grupo de pessoas.

Mesmo que você não tenha esse dinheiro, procure associar a sua logomarca a um estilo de vida saudável, a um atendimento exemplar ao cliente, etc. Se você tiver sucesso lá na frente, com o passar dos anos pode quem sabe ter sua marca associada a um estilo de vida.

Logomarca tem que ter consistência

Não adianta você gastar um bom dinheiro para a criação de uma logomarca se não a apresenta com consistência. Cores não padronizadas, fontes trocadas, ampliações e reduções não proporcionais tudo isso acaba tirando a consistência de uma logomarca. Usar corretamente uma logomarca é uma das ações obrigatórias para o reforço da imagem e da personalidade da empresa.

Para isso um bom designer após ter desenvolvido sua logomarca deverá lhe dar um manual de aplicação da marca (logomarca) bem como ela em arquivos vetoriais.

Originally posted 2011-05-03 14:47:21. Republished by Blog Post Promoter